h bets

Haddad diz que vai anunciar medidas para compensar desoneração até quinta

Ministro havia dito que debateria assunto com Alckmin, mas, após reunião com vice, ele afirmou que anúncio depende da Casa Civil

Haddad diz que vai anunciar medidas para compensar desoneração até quinta

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, afirmou que até a próxima quinta-feira o governo deve enviar ao Congresso Nacional suas propostas com objetivo de reduzir o impacto da perda de arrecadação com a desoneração da folha de pagamento de 17 setores da economia. A afirmação foi dada a jornalistas na tarde desta terça-feira (26.dez) após encontro com o vice-presidente Geraldo Alckmin (PSB).

"Entre amanhã e quinta os atos vão para o Congresso", disse Haddad a jornalistas. "Quando estiver tudo na Casa Civil, publicado, eu chamo vocês para explicar as medidas para que possamos pensar em ter um orçamento mais equilibrado".

Inicialmente, Haddad havia dito que iria despachar com Alckmin quais medidas o governo anunciaria. Porém, após a reunião com o vice-presidente, ele voltou atrás e disse que o assunto ainda está sendo finalizado pela Casa Civil.

Instado a antecipar quais medidas devem ser anunciadas, Haddad disse que precisaria aguardar os trâmites competentes e que aguardará a validação da Casa Civil.

O ministro afirmou ainda que todas as medidas são “muito prudentes, muito bem pensadas” “Para que nós possamos pensar em ter um orçamento mais equilibrado no ano que vem do que tivemos neste ano”.

A desoneração custa cerca de R$ 9,4 bilhões por ano aos cofres públicos. Com a derrubada do veto presidencial neste mês, a equipe econômica teve de buscar meios para diminuir o déficit nas contas públicas.

Conforme o ministro, o objetivo dos atos a serem anunciados é evitar a judicialização dos casos.

Publicidade

Assuntos relacionados

Economia

Últimas notícias

Já é 2024 na Nova Zelândia e Austrália: veja como estão as comemorações ao redor do mundo

Já é 2024 na Nova Zelândia e Austrália: veja como estão as comemorações ao redor do mundo

Por conta do fuso horário, Oceania é o primeiro continente do mundo a comemorar o Réveillon. Kirimati foi a primeira ilha a celebrar o novo ano
Rússia lança novos ataques sobre a Ucrânia em retaliação a ofensiva

Rússia lança novos ataques sobre a Ucrânia em retaliação a ofensiva

No sábado, os russos atribuíram um ofensiva com 24 mortos na cidade de Belgorod a Kiev
Passe livre no transporte público atinge recorde no Brasil em 2023

Passe livre no transporte público atinge recorde no Brasil em 2023

Medida foi adotada por 94 municípios brasileiros; somente em 2023, 31 cidades optaram pelo passe livre
SP: Usuários de trem e metrô podem recarregar bilhetes com valor antigo até hoje

SP: Usuários de trem e metrô podem recarregar bilhetes com valor antigo até hoje

A partir desta 2ª feira (01.jan), tarifa será de R$ 5. Veja o que vai ser reajustado e como recarregar antes da virada
Seguem buscas por homem que caiu de cruzeiro

Seguem buscas por homem que caiu de cruzeiro

Procura se concentra na região de São Sebastião, no litoral de São Paulo
Sorteio da Mega da Virada acontece hoje; saiba tudo sobre a premiação recorde

Sorteio da Mega da Virada acontece hoje; saiba tudo sobre a premiação recorde

Descubra os horários, até quando é possível e como apostar, onde assistir e os números que mais saíram até hoje
Réveillon no Rio: Marinha alerta para ondas acima de 2 metros na orla do estado

Réveillon no Rio: Marinha alerta para ondas acima de 2 metros na orla do estado

Boletim recomenda cautela para quem for passar a virada do ano em alto mar, em especial, aos condutores de embarcações de pequeno porte
Número de laqueaduras feitas pelo SUS subiu quase 68% em seis anos

Número de laqueaduras feitas pelo SUS subiu quase 68% em seis anos

Entre mulheres de até 29 anos o aumento foi de 60%. Mudanças recentes na lei ampliaram o acesso ao procedimento
Mesmo com retorno das chuvas, Rondônia enfrenta crise hídrica

Mesmo com retorno das chuvas, Rondônia enfrenta crise hídrica

Nível dos rios que cortam o estado continua baixo. Previsão é de mais estiagem em 2024
Corrida de São Silvestre: 98ª edição deve reunir cerca de 35 mil pessoas em SP

Corrida de São Silvestre: 98ª edição deve reunir cerca de 35 mil pessoas em SP

Atletas profissionais e amadores irão percorrer 15 quilômetros, por alguns dos principais pontos turísticos da capital paulista
h bets Mapa do site